O que é harmonização facial?

harmonização facial
A harmonização facial virou tendência

A harmonização facial nunca esteve tão na moda. Mas você sabe exatamente do que se trata? 

Tendência principalmente entre celebridades, a técnica ganha cada vez mais gente. No entanto, exige muitos cuidados para não acabar frustrando.

Se você está pensando em fazer ou não conhece direito, confira a explicação a seguir!

Entenda o que é a harmonização facial

procedimento
A harmonização pode incluir preenchimento no rosto

Você já se olhou com atenção no espelho e percebeu que alguns de seus traços não te agradam? Ou que poderiam ficar melhor se pudesse mudar algum detalhe? A premissa da harmonização facial é essa. Ou seja, dar um pouco mais de harmonia para os seus traços. E, consequentemente, valorizar o que você tem de melhor.

O procedimento realizado em clínicas de estética por profissionais como médicos e biomédicos. É preciso que seja um especialista com autorização para procedimentos invasivos, mesmo que não seja uma cirurgia.

Nessa técnica, acontecem diferentes métodos para deixar o rosto mais equilibrado. Contudo, vale explicar que não se trata de criar simetria. A ideia consiste em ajustar detalhes mesmo, mas sem mudar a expressão. Ou pelo menos é assim que deveria ser.

Na prática, infelizmente, há casos em que acontece um exagero nessas mudanças. Assim, o principal cuidado com esse procedimento é buscar uma avaliação prévia, que ajude a entender os seus traços e não tente imitar o de outra pessoa. 

Veja o que pode estar incluído no procedimento

harmonização facial
O procedimento é considerado minimamente invasivo

Para entender melhor, considere que um queixo bem marcado costuma ser visto como bonito para homens. A mandíbula mais quadrada é sinônimo de masculinidade. Para homens que nasceram com o rosto mais redondo, é possível fazer um preenchimento com ácido hialurônico e marcar o local.

Da mesma forma, uma mulher que se incomoda com as bochechas, pode optar por uma bichectomia. Ou seja, vai retirar uma bolinha de gordura do rosto e ficar com a expressão mais magrinha.

A harmonização facial portanto trabalha com diferentes modificações para chegar ao resultado ideal. Podem ser:

  • preenchimentos de olheira, mandíbula; boca; entre outros;
  • fios de sustentação para fazer um lifting natural na pele;
  • bichectomia para deixar o rosto mais fino;
  • fios de pdo para criar o foxy eyes, aquele olhar mais ousado;
  • correções simples no nariz. 

O preenchimento labial, por exemplo, é um dos que mais costuma criar polêmica. Ainda que o método tenha sido melhorado, nem sempre o resultado final é tão natural quanto poderia. Dessa forma, é essencial fazer uma avaliação para compreender o que você realmente precisa. 

Esse mesmo preenchimento também pode ser feito nas maçãs do rosto, para destacá-las. Caso tenha sido feita uma bichectomia também, por exemplo, vai coordenar esses resultados. Dessa forma, o resultado não vai destoar e sim valorizar o que há de melhor no seu rosto. 

Saiba quando optar pela harmonização facial

avaliação
É essencial fazer uma boa avaliação facial

O que te incomoda na sua imagem? Ou no seu rosto? Tem alguma coisa que atrapalha a sua autoestima? Se a resposta for positiva, talvez considere a harmonização facial.

A verdade indica que existem questões que podem ser resolvidas facilmente com esse método. Quem nasceu sem definição no queixo, por exemplo, pode fazer um preenchimento para corrigir essa ausência.

Enquanto isso, um nariz mais redondinho pode ficar mais arrebitado sem precisar de uma intervenção muito intensa. Esses procedimentos aparecem como minimamente invasivos e realizados em consultório ou clínica mesmo. Geralmente com risco baixo.

Se você estiver em dúvida sobre quando fazer a harmonização, considere o que gostaria de valorizar. E os pontos que pensa em corrigir. Será uma boa maneira de avaliar se vale a pena. 

Para quem tem desvios de septo muito grandes, por exemplo, talvez a harmonização não pareça eficaz. Entretanto, dá para fazer uma redução da papada. 

Em resumo, a harmonização facial envolve uma série de procedimentos variados. O objetivo é valorizar os melhores traços do seu rosto e corrigir os que não te agradam. Mas sempre respeitando a sua estrutura e sem exageros. Por isso, é importante sempre realizar com alguém de confiança.

Mas e então, você tem vontade de fazer? O que mudaria? Conta pra gente nos comentários! 

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*